TRF-2 manda soltar Picciani, Paulo Melo e Albertassi, mas eles seguirão presos | Claudio Tognolli

A 1ª Turma Especializada do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2 ) derrubou nesta quarta-feira, 11, por dois votos a um, a prisão preventiva dos ex-deputados Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi, que foram presos na operação Furna da Onça, junto com outros deputados.

Segundo o jornal O Globo, como eles estão presos também por conta da operação Cadeia Velha, na prática, eles continuarão com medidas de restrição de liberdade. Picciani está em prisão domiciliar por conta de problemas de saúde. Segundo colunista Lauro Jardim, Paulo Melo poderá progredir para o regime semiaberto, por decisão do juiz da Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro, Rafael Estrela.

A operação Cadeia Velha ocorreu em novembro de 2017, apurou pagamentos de propina pela Fetranspor e teve Picciani, Albertassi e Paulo Melo como alvos. A Furna da Onça expandiu as investigações da Cadeia Velha, aconteceu um ano depois e levou outros sete deputados para a prisão.

error: