Presidente do BNDES diz 'caixa-preta' foi mal interpretada | Claudio Tognolli

Gustavo Montezano, presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico), afirmou que a auditoria interna se encntrar uma “caixa-preta” foi contratada pela gestão anterior e mal interpretada pela imprensa.

A reportagem do portal Uol em parceria com a Agência Reuters destaca que “Montezano disse que, quando assumiu o banco em meados de 2019, 90% do relatório já estava pronto e que a nova administração do banco de fomento apenas deixou a consultoria terminar o trabalho e, após receber o relatório, divulgou uma versão resumida para a população e entregou a completa para autoridades.”

O presidentre do BNDES disse: “tivemos essa notícia que foi mal interpretada pela sociedade novamente”, afirmou Montezano, que participa do Fórum Econômico Mundial, em Davos. “Dentro da nossa política de divulgar tudo o que achamos que é necessário, a gente recebeu essa informação e soltou para o mercado.”

A matéria ainda sublinha que “no começo da semana, o jornal o Estado de S.Paulo reportou que o BNDES gastou 48 milhões de reais na auditoria, que após 1 ano e 10 meses de investigações produziu um relatório que não apontou nenhuma evidência direta de corrupção em oito operações com a JBS , o grupo Bertin e a Eldorado Brasil celulose.”

error:

Notice: Undefined index: prnt_scr_msg in /var/www/wp-content/plugins/wp-content-copy-protector/preventer-index.php on line 171