Presidente ataca novamente a imprensa – Claudio Tognolli

O presidente Jair Bolsonaro atacou novamente a imprensa por causa das manifestações de solidariedade à jornalista Constança Resende, do jornal O Estado de S.Paulo, após a repercussão negativa da uma publicação no Twitter feita pelo chefe do Planalto, que replicou um texto do site ‘Terça Livre’ (pró-governo) que atribuiu à reporter a intenção de “arruinar Flávio Bolsonaro e o governo”. A conversa foi supostamente vazada a um jornalista francês.

“Vemos muitas manifestações de solidariedade de editores de revistas e jornais como esta da @VICEBRASIL e outras facilmente indentificadas. Segue o jogo da farsa e do vitimismo de quem nunca foi vítima”, postou Bolsonaro no Twitter.

De acordo com reportagem do ‘Estadão’, a frase atribuída à jornalista nunca foi dita. “A gravação do diálogo, porém, mostra que Constança em nenhum momento fala em ‘intenção’ de arruinar o governo ou o presidente. A conversa, em inglês, tem frases truncadas e com pausas. Só trechos selecionados foram divulgados. Em um deles, a repórter avalia que ‘o caso pode comprometer’ e ‘está arruinando Bolsonaro’, mas não relaciona seu trabalho a nenhuma intenção nesse sentido”, diz.

error:
0