O Globo: MF estuda abrir uma nova investigação contra o candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, por suspeita de improbidade administrativa: caso açaí – Claudio Tognolli

Segundo o jornal O Globo, “o Ministério Público Federal estuda abrir uma nova investigação contra o candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, por suspeita de improbidade administrativa envolvendo a contratação de sua ex-secretária parlamentar Walderice Santos da Conceição, flagrada pelo jornal “Folha de S. Paulo” vendendo açaí na Vila Histórica de Mambucaba, a 50 km de Angra dos Reis, no litoral fluminense, durante o horário de expediente”.

Na noite de sexta-feira (18), uma denúncia anônima relacionada ao caso chegou à Procuradoria da República no Distrito Federal, o que gerou a chamada notícia de fato. Agora, cabe ao procurador da República João Gabriel Morais de Queiroz decidir se instaura investigação sobre a funcionária fantasma do parlamentar. “Caso se confirmem as suspeitas, o MPF pode entrar com uma ação de improbidade contra o presidenciável que prevê penas como multa e a perda dos direitos políticos”, afirma a reportagem.

error:
0