MPRJ realiza busca e apreensão para investigar milícia formada por PMs ligados à grilagem de terras na Colônia Juliano Moreira | Claudio Tognolli

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO/MPRJ) e da Coordenadoria de Segurança e Inteligência (CSI/MPRJ), e a Corregedoria da Policia Militar do Estado do Rio de Janeiro realizam, nesta terça-feira (12/11), operação de busca e apreensão e em endereços ligados a policiais militares investigados por envolvimento em milícias que atuam na grilagem de terras na Colônia Juliano Moreira.

De acordo com o inquérito policial militar, prédios e casas estão sendo construídos no local, em terrenos invadidos pela milícia. As irregularidades estariam sendo cometidas pela corretora GG Consultoria Imobiliária, cujos sócios são os policiais militares Carlos Eduardo Grecco e Carlos Eduardo Gonçalves, que também comercializam os imóveis.

As buscas estão sendo realizadas na sede da empresa, que fica na Colônia Juliano Moreira, nos endereços residenciais de seus sócios e nos armários do PMs localizados nos batalhões onde estão lotados. O intuito é obter documentos que apontem quem são os clientes da imobiliária, quais são as obras realizadas, quais os valores cobrados nas transações e se existe alguma espécie de coação aos moradores e comerciantes locais.

Além de documentos contendo anotações relacionadas aos delitos investigados – organização criminosa, parcelamento irregular do solo urbano, extorsão, falsificação de documento público –, a operação busca computadores, dispositivos informáticos de armazenamento de dados, como CDs, DVDs, pen drives, HDs externos e internos, aparelhos de telefonia celular e outros itens  que possam trazer informações úteis às investigações.

error:

Notice: Undefined index: prnt_scr_msg in /var/www/wp-content/plugins/wp-content-copy-protector/preventer-index.php on line 171