MPF promove cine-debate sobre protagonismo das mulheres no combate à violência estatal e à letalidade policial | Claudio Tognolli

A Câmara de Controle Externo da Atividade Policial e Sistema Prisional do Ministério Público Federal (7CCR/MPF) promove no dia 25 de março, às 15h, cine-debate para discutir o protagonismo das mulheres no enfrentamento à violência estatal e à letalidade policial. No evento, será exibido o documentário “Auto de Resistência”, seguido de debate com a diretora do documentário, Natasha Neri, representantes do MPF e de movimentos sociais de defesa dos direitos humanos.

A atividade é aberta ao público e voltada a membros e servidores do sistema de Justiça, integrantes de entidades da sociedade civil, pesquisadores e estudantes e também ao público interno da PGR (servidores e membros). Para participar, é preciso fazer a inscrição, enviando e-mail para 7ccr@mpf.mp.br.

Auto de resistência – Dirigido por Natasha Neri, o documentário aborda os homicídios praticados pela polícia contra civis, no Rio de Janeiro, em casos conhecidos como “autos de resistência”. Com 1h40 de duração, acompanha a trajetória de personagens que lidam com essas mortes em seus cotidianos, mostrando o tratamento dado pelo Estado a esses casos, desde o momento em que um indivíduo é morto, passando pela investigação da polícia, até as fases de arquivamento ou julgamento pelo tribunal do júri. O papel das mulheres na busca por Justiça, muitas delas mães de vítimas, aparece em destaque durante o filme, com depoimentos e imagens emocionantes.

Depois da exibição, o debate terá a participação da diretora do filme; de Ela Wiecko, subprocuradora-geral da República e coordenadora do Comitê Gestor de Gênero e Raça do MPF; de Ivanir Mendes dos Santos, da Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência (RJ); e de Débora Maria da Silva, do Movimento Independente Mães de Maio (SP). A mediação será da subprocuradora-geral da República Sandra Cureau, membro da 7CCR.

A atividade é alusiva ao Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março.

error:
0