Maduro apela aos generais brasileiros: enfrentem a loucura de Bolsonaro – Claudio Tognolli

Sputinik – O presidente venezuelano Nicolás Maduro rechaçou as declarações do líder brasileiro sobre uma possível intervenção militar na Venezula e pediu aos militares brasileiros que enfrentem “a loucura de Bolsonaro”.

“A Venezuela rejeita de maneira absoluta as ameaças de guerra e invasão militar de Jair Bolsonaro contra o povo bolivariano nobre, pacífico e solidário”, disse o presidente durante um evento em Caracas.

O presidente venezuelano também declarou que Jair Bolsonaro é um “filhote de fascista” e “imitador de Hitler”.

Maduro pediu aos militares brasileiros que rejeitem as intenções do presidente Bolsonaro de invadir o país caribenho.

“Faço um apelo ao povo do Brasil, convoco todos os setores democráticos e peço à força militar do Brasil para enfrentar a loucura de Jair Bolsonaro e sua ameaça de guerra contra a Venezuela”, disse o presidente.

Durante a semana, Jair Bolsonaro (PSL) teceu comentários sobre a atual crise na Venezuela, afirmando que, no caso de uma invasão militar contra Caracas, iria consultar o Congresso. A decisão final, no entanto, segundo o político, seria estritamente pessoal.

error:
0