Leia a íntegra da decisão do TSE que deu vitória de Olavo de Carvalho contra HADDAD – Claudio Tognolli

Nesta segunda-feira (15), o ministro Luiz Felipe Salomão, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou o pedido da coligação do candidato do PT, Fernando Haddad, para remover 21 postagens do professor, filósofo e escritor, Olavo de Carvalho.

Segundo a coligação, o professor estaria usando o Facebook para difundir “afirmações infundadas, injuriosas e difamatórias“.

Na visão do ministro a liberdade de expressão “não abarca somente as opiniões inofensivas ou favoráveis, mas também aquelas que possam causar transtorno ou inquietar pessoas, pois a democracia se assenta no pluralismo de ideias e pensamentos“.

Entre as acusações que mais incomodaram a coligação, estão as críticas feitas ao livro “Desorganizando o Consenso“, escrito pelo candidato do PT e os alertas para o tema das fraudes nas eleições.

error:
0