Governo Bolsonaro quer mobilizar Força Nacional para intimidar manifestantes em Brasília | Claudio Tognolli

Representantes dos governos federal e do governo do Distrito Federal vão se reunir nesta sexta-feira (5) pela manhã para definir a convocação de policiais da Força Nacional de Segurança Pública para reprimir as manifestações contra Jair Bolsonaro marcadas para a Esplanada dos Ministérios no domingo. A informação é da Reuters.

O Gabinete de Segurança Institucional poderá acionar o Ministério da Justiça e Segurança Pública e requisitar o uso da Força, segundo as fontes ouvidas pela Reuters: “A atuação no policiamento ostensivo da Esplanada, entretanto, é de responsabilidade da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal. Na reunião de sexta é que a definição sobre o eventual emprego da Força Nacional deverá ser feito, disse uma das fontes”.

Em transmissão nas redes sociais na noite desta quinta-feira, Bolsonaro disse que “marginais” marcaram manifestações para domingo e alertou ainda que o governo federal e governadores com compromisso com a democracia estariam preparados para reagir caso “esse pessoal ultrapasse o limite da racionalidade”.

Essa não seria a primeira vez que a Força Nacional seria empregada na Esplanada dos Ministérios. Ano passado, por exemplo, o então ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, autorizou o emprego dela em abril diante de manifestações de indígenas na capital do país.

Prevista inicialmente em decreto de 2004, a Força Nacional é composta por policiais militares, civis, bombeiros militares e peritos dos Estados e do DF.

error: