Doria diz que eleição de Bolsonaro foi “erro” e afirma que não irá disputar a reeleição em 2022 | Claudio Tognolli

 O governador de São Paulo, João Doria, do PSDB, que em 2018 apoiou Jair Bolsonaro, reconheceu, em entrevista ao jornalista Pedro Venceslau, publicada no jornal Estado de S. Paulo, que tal posicionamento foi um equívoco. “A eleição de Jair Bolsonaro foi um grande erro para o Brasil. Eu não mantenho o meu compromisso diante de um equívoco tão grande. O Bolsonaro prometeu um país liberal, economia globalizada e combate à corrupção. E não fez.”

Doria também disse, nesta entrevista, que não irá disputar a reeleição ao governo estadual em 2022 e defendeu uma frente ampla para derrotar Jair Bolsonaro, com a centro-esquerda, que pode vir a ser liderada ou não pelo PSDB. “Eu, por ser contra a reeleição, vou manter a minha coerência. Não vou disputar a reeleição”, afirmou.

error: