Como foi articulado o ataque a Felipe Neto nas redes sociais? | Claudio Tognolli

O Globo

Na quarta-feira passada, um carro de som estacionou em frente ao condomínio onde mora o youtuber Felipe Neto, no Rio de Janeiro. Nos alto falantes, ameaças e mensagens de ódio. Nas últimas semanas, o youtuber vem sendo alvo de ataques nas redes sociais, com a hashtag #TodosContraFelipeNeto e até uma montagem falsa foi utilizada para acusá-lo de pedofilia. O influenciador ganhou destaque no noticiário político depois que começou a criticar o presidente Jair Bolsonaro.

Fato ou Fake:É #FAKE que Felipe Neto fez post pedófilo no Twitter associando crianças a doces

Quem está por trás dos ataques a Felipe Neto? Como a campanha viralizou nas redes? Quais os argumentos de quem o critica? Qual o alcance político do youtuber? No Ao Ponto desta segunda-feira, conversamos com o repórter Marlen Couto e com Pedro Bruzzi, sócio da consultoria Arquimedes, especializada em redes sociais.

O episódio também pode ser ouvido na página de Podcast do GLOBO. Você pode seguir a gente em SpotifyiTunesDeezer.

Leia também:Maia sai em defesa de Felipe Neto e o convida para dar sugestões no PL das fake news

Publicado de segunda a sexta-feira, às 6h, nas principais plataformas de podcast e no site do GLOBO, o Ao Ponto é apresentado pelos jornalistas Carolina Morand e Roberto Maltchik, sempre abordando acontecimentos relevantes do dia.

error: