Com novo recorde, Minas chega a 344 mortes e 13.995 casos de COVID-19 | Claudio Tognolli

O Estado de Minas

Com diversas cidades reabrindo os comércios, a curva de mortes em Minas apresenta crescimento com recordes no número de mortes. Minas passou de 323 para 344 mortes. Foram registrados 21 óbitosa mais no boletim epidemiológico divulgado nesta sexta (05) em comparação com o balanço de quinta (04), um crescimento de de 6,5% em um único dia.
Belo Horizonte e Betim confirmaram, cada uma, três óbitos, puxando a curva de mortes. Com três óbitos registrados, a capital passou de 55 para 58 óbitos. Já são 2.247 casos confirmados.
Desde o primeiro casos confirmado no Estado, em 16 de março, é o maior número de mortes registado em um único dia. Os novos casos também também aumentaram, passando de 13.034 para 13.995, com 961 novos registros em 24h.
As 21 mortes foram mortes em Betim, Belo Horizonte, Munhoz, Juatuba, Contagem, Uberaba, Ubá, Nova Serrana, Timóteo, Capitão Enéas, Muriaé, Piranga, Mariana, Ipatinga, Pouso Alegre, Teófilo Otoni, Uberlândia, Varginha e duas mortes de pessoas de outros estados.
error: