A hashtag #DitaduraNaoSeComemora é o assunto mais comentado no Twitter | Claudio Tognolli

A hashtag #DitaduraNaoSeComemora é o assunto mais comentado no Twitter. O presidente Jair Bolsonaro havia determinado a quartéis a celebração do golpe militar de 1964, que completa 55 anos neste domingo (31). Em comunicado, a ONU Direitos Humanos pediu que o chefe do Planalto “reconsidere” os planos de comemoração do aniversário do golpe militar no Brasil.

“Mais de 8.000 indígenas e pelo menos 434 suspeitos de serem dissidentes políticos foram mortos ou desapareceram forçadamente. Estima-se também que dezenas de milhares de pessoas foram arbitrariamente detidas e/ou torturadas”, diz o texto. “No entanto, uma lei de anistia promulgada pela ditadura militar impediu a responsabilização pelos abusos”.

error:

Notice: Undefined index: prnt_scr_msg in /var/www/wp-content/plugins/wp-content-copy-protector/preventer-index.php on line 171